Papinha de batata, abobrinha e ovo

Esta papinha pode ser dada a partir de 6 meses!

ovo pinto

Ingredientes:

1 batata média

– 1 colher (chá) de cebola picada

– ½ unidade de abobrinha picada

– 1/2 colher (café) de sal

– 1 ovo

Óleo – 1 colher de café

Modo de preparo:

Em uma panela pequena, refogue a cebola, a batata e a abobrinha. Cubra com água e cozinhe até a batata e a abobrinha estarem bem cozidos. Cozinhe o ovo à parte. Coloque no prato e amasse com o ovo cozido.

A introdução do ovo na alimentação infantil!

 

ovo

Os ovos podem ser dados a partir dos 6 meses de idade e devem estar completamente cozidos para evitar uma intoxicação alimentar.  Deve-se, porém, inicialmente, ofertar a gema na papa e observar se aparecem sintomas de alergia. Caso não note alterações no bebê (inchaço, urticária, diarreia, náuseas, vômitos, etc), introduza também a clara do ovo em outra ocasião. A alergia ao ovo é menos frequente do que se pensa, porém havendo histórico familiar de alergias ou dermatite atópica é mais propenso que a criança também tenha. Para eliminar as suspeitas, ofereça o ovo por 2-3 dias consecutivos, e observe se aparece algum sintoma.

cozido

Faça a introdução gradual da gema – na primeira vez ofereça apenas 1/4 da gema. Na segunda vez, meia gema e na terceira vez, a gema inteira. Depois,  o ovo inteiro.

O consumo de ovo não deve superar a 3 unidades por semana e não deve ser acompanhada de qualquer proteína animal.

Leia mais sobre ovos no nosso post “O Ovo Nosso de cada dia”.

Autoras: Karen Dykstra Carmona & Iolande Aardoom

 

Fonte:

KARMEL, A. O Livro Essencial da Alimentação Infantil. Receitas deliciosas e respostas para as duvidas mais comuns. Tradução: Elenice B. Araújo. São Paulo: PubliFolha, 2010.

DESINFECÇÃO DE FRUTAS E HORTALIÇAS

verduras 11

Vai servir uma saladinha para a família na hora do almoço? Ou oferecer uma maçã para seu filho? Então lembre-se de higienizar antes as frutas, legumes e hortaliças que serão consumidos crus.

          ATENÇÃO: A higienização também deve ser feita para as frutas que serão consumidas sem casca (laranja, manga, abacaxi, mamão e etc.). Isto porque ao realizar o corte da casca, os microrganismos da casca são carregados para dentro da fruta através da faca.

          HIGIENIZAR significa LAVAR + DESINFETAR. Fazendo isso de forma correta, você estará eliminando parasitas e micróbios patogênicos dos alimentos (invisíveis a olho nu). Lavando com água você retira somente a sujeira “aparente”…

Segue o passo a passo da higienização dos alimentos:

1) Selecionar, retirando as folhas, partes e unidades deterioradas.

2) Lave em água corrente vegetais folhosos (alface, escarola, rúcula, agrião, etc.) folha a folha, e frutas e legumes um a um. Nesta etapa, você elimina larvas, insetos, parasitas, sujeira e parte do agrotóxico.

3) Para eliminar as bactérias e outros microrganismos, faça a etapa de DESINFECÇÃO com hipoclorito de sódio (água sanitária). Deixar de molho por 15 minutos numa solução clorada =  utilizar 1 colher de sopa rasa de Hipoclorito de Sódio (água sanitária) com concentração entre 2,0 e 2,5%  para cada 1 Litro de água. Verifique a embalagem de água sanitária para saber se a concentração é a mesma mencionada acima e se pode ser utilizada para os alimentos. Existem algumas marcas de água sanitária que possuem perfume e não devem ser utilizados na desinfecção. No mercado já encontramos produtos específicos para a desinfecção dos alimentos no setor de hortifutris (Ex: Pury Vitta – ½ tampa para cada 1 litro de água, deixando 5 minutos e molho nessa solução para depois realizar novo enxague).

4) Enxaguar em água corrente vegetais folhosos folha a folha e frutas e legumes um a um para retirar todo o cloro.

5) Corte os alimentos e monte os pratos com as mãos e utensílios bem lavados.

6) Mantenha sob refrigeração até a hora de servir!  Bom apetite!!

colagem verduras

 

Autora: Karen Dykstra Carmona

 

 

Couve: uma excelente opção para fazer uma DETOX!!!

Imagem

  O suco de couve é um ótimo desintoxicante para o organismo, ajudando a eliminar tudo que faz mal e ao mesmo tempo sendo fonte de vitaminas e minerais. Além disso, a couve também ajuda a emagrecer…

O que a couve tem?

A couve é uma hortaliça muito rica em minerais (cálcio, ferro e fósforo) e vitaminas (A, complexo B e C). Ela é excelente para combater problemas digestivos, enfermidades do fígado, cálculos renais, menstruação dolorosa, artrite, bronquite, além de curar úlceras estomacais. A couve pode ainda ser utilizada para evitar ressacas (deve-se consumir couve com vinagre antes de ingerir álcool. Alguns países inclusive utilizam a couve como aperitivo em bares!) , aliviar a prisão de ventre (devido ao seu alto teor de fibras), evitar a má disposição e aliviar dores causadas pelas úlceras gástricas.

A couve é um produto muito acessível e seu custo não é elevado; é de fácil manejo e pode ser plantada durante todo o ano. Pode ser encontrada em hortas de pequeno, médio ou grande porte. Sua procura no mercado (feiras, supermercados e hortifrútis, por exemplo) é grande devido aos ricos valores nutricionais, sendo que também pode ser utilizada com fins medicinais. A couve também pode ser combinada com vários tipos de pratos culinários.

 Como a durabilidade da couve é pequena, o ideal é preparar cubos de couve concentrada congelada para usar posteriormente.

Polpa de Couve:

Coloque no liquidificador ou na centrífuga um maço inteiro (inclusive os talos) de couve bem lavada e higienizada, de preferência, orgânica.

Acrescente um pouco de água filtrada e bata até formar um caldo grosso.

Distribua em formas de gelo e coloque no freezer.

Depois de congelar, proteja a fôrma com filme plástico.

Use um ou dois cubos de couve congelada por dia para preparar seu suco. Bata ou deixe dissolver no suco de sua preferência e acrescente limão, laranja, maracujá, carambola, gengibre.

 Imagem

Alguma opções de suco: mas você pode criar o seu…

Couve com limão:
Ingredientes:

  • ½ limão;
  • 1 folha de couve;
  • 1 copo de água (aproximadamente 180 ou 200 ml).

Modo de preparo:
Coloque a metade do limão juntamente com a folha de couve no liquidificador e vá acrescentando água ao poucos. Quando o suco estiver numa textura e cor uniforme, estará pronto.

Couve com laranja (forte):

Ingredientes:

  • 2 cubos de polpas de couve;
  • 1 copo de suco de laranja.

Modo de preparo:
É só acrescentar as folhas e o suco no liquidificador e bater ao mesmo tempo até formar uma mistura homogênea.

Couve com laranja (fraco):

Ingredientes:

  • 2 cubos de polpa de couve;
  • ½ copo de suco de laranja;
  • ½ copo de água.

Modo de preparo:
Junte todos os ingredientes e bata no liquidificador até ficar um líquido com cor uniforme.

Nutricionista: Iolande Aardoom

Omelete Light

Ingredientes:

1 ovo
Fatia média de queijo minas frescal em cubos (69 Kcal)
1 tomate pequeno sem semente cortado em cubos (12 Kcal)
1 colher de sopa de alho poró
Temperos – Sal, pimenta e manjericão

Margarina para untar

Modo de preparo:

Numa vasilha bata o ovo ligeiramente com um garfo. Junte o queijo minas frescal e o tomate e os temperos, menos o manjericão
Em uma frigideira antiaderente untar com um cubinho bem pequeno de margarina. Doure ligeiramente o alho poró. Em cima do alho poró que está na frigideira, coloque o ovo misturado, vá mexendo até que o omelete tenha a consistência pra virar. Assim que estiver cozido desligue, e adicione o manjericão.

Dica: Boa opção pro jantar. Sirva o omelete com uma fatia de pão integral.

Valor calórico: 227,16 Kcal

O Ovo Nosso de cada dia!

ovo nosso

Além de deliciosos, ovos são uma fonte barata de proteínas e vários nutrientes. Para selecionar os ovos no mercado ou diretamente do produtor, você deve fazer uma análise do seu estado.

Os ovos devem estar adequadamente embalados e rotulados, com a casca íntegra e sem sujidades aparentes e dentro dos prazos de validade. Ovo trincado não pode!!

É recomendada a refrigeração entre 4 a 7°C, para evitar a proliferação de microrganismos como Salmonella spp. Quando os ovos vierem na embalagem de papelão é interessante substituir o mesmo por caixas de plástico com tampa e colocar a data de validade na mesma.

O ovo deve ser lavado somente na hora que for usá-lo, pois o mesmo tem uma película externa de proteção que ao lavar e guardar na geladeira você acaba expondo-o a uma contaminação.

 

Curiosidades sobre o ovo

ovos ovos coloridos

Porque existem ovos brancos ou vermelhos?

Essa diferença de cor existe devido à linhagem das galinhas. Galinhas brancas botam ovos brancos e galinhas coloridas botam ovos marrons, avermelhados e até azuis. Quanto ao valor nutritivo do ovo não está relacionada com a cor da casca. O que pode influenciar no valor nutritivo do ovo é a dieta da galinha.

Ovo fresco X Ovo velho

Para saber se o ovo realmente é fresco, basta colocar um ovo em uma jarra de água com um pouco de sal, se o ovo ficar no fundo da jarra é porque ele está fresco. Outra forma de saber se o ovo é fresco: ao chacoalhar o mesmo, o conteúdo não deve se mover.

Durante uma preparação, dá para observar o frescor do alimento de acordo com a área ocupada. O ovo fresco se espalha pouco, formando um pequeno diâmetro. Já o velho ocupa uma área grande. E quando a gema se desfaz o ovo já esta muito velho.

O ovo nunca deve se guardado na porta da geladeira, devido a oscilação de temperatura, podendo aumentar a temperatura interna do ovo, e dando oportunidade a proliferação da Salmonela spp. Também pelo impacto da porta os ovos estão mais vulneráveis à rachaduras.

Custo do Ovo

O ovo vermelho é mais caro do que o ovo branco porque as galinhas que o botam são maiores e necessitam de melhor alimentação. Esse “custo extra” é compensado na hora da venda dos ovos.

E o ovo caipira?

caipira

O Ovo caipira quanto a sua composição nutricional, ela é basicamente igual aos outros ovos, o que muda é o aumento da concentração do betacaroteno, sendo ela 5 vezes maior do que os outros ovos. Por isso a gema é bem mais amarelinha.

O sabor do ovo caipira é diferenciado. As galinhas caipiras tem uma alimentação bem mais variada, sendo que essas aves também não ingerem substâncias para crescimento e antibióticos.

FIQUE DE OLHO: 

Evite consumir ovos crus ou mal cozidos. A temperatura de cozimento é o meio mais seguro de eliminar possíveis contaminações. Se for utilizá-los crus ou pouco cozidos, em preparações como glacês, ovos nevados, gemadas, maioneses, por exemplo, redobre os cuidados com a higienização antes de abri-los. Além de lavar cuidadosamente, mergulhe-os em solução de hipoclorito (1 colher de água sanitária para 1 litro de água) por cerca de 15 minutos.

INFORMAÇÃO CALÓRICA DO OVO – de 50 a 55 gr

Ovo cozido – 71,10 Kcal
Clara cozida – 15,30 Kcal
Gema crua – 52,80 Kcal
Ovo frito – 105,00 Kcal
Ovo mexido – 87,75 Kcal
Omelete – 110,50 Kcal
Ovo de codorna – (10g) = 15,60 Kcal

Nutricionista Iolande Aardoom – CRN 6183

A parceria!

Olá… e eu sou a Iolande Aardoom!

Me formei em agosto de 2009 no Cescage – Centro de Ensino Superior dos Campos Gerais. Resolvi fazer um curso superior quando minha filha mais nova já estava no 2° grau, se preparando para o vestibular. Aí pensei, porque não tentar também? Optei pelo curso de Nutrição, um curso muito novo na região dos Campos Gerais, sendo nós a segunda turma.
Foi difícil pra mim, após 25 anos sem estudar…rs! Nos primeiros dias estava sentada na sala de aula, olhava ao redor tantas meninas lindas, tão novinhas e com grandes sonhos… As meninas tinham a idade dos meus filhos mais velhos!! Um mundo novo se abriu pra mim…rsrs… Pra acompanhar essa galera, deu o que falar…rs Mas enfim, conquistei um novo espaço! Me formei, e não parou por aí… Peguei o gostinho de estudar mais. Fiz uma pós-graduação em Qualidade e Segurança Alimentar e outra em Gastronomia.

Mas porque escolhi Nutrição? Então, minha filha mais nova era meio gordinha quando estava na pré-adolescência e sofria bulling no colégio… Muito triste passar por isso, na época ela tinha 12 anos. Ela iniciou uma dieta com acompanhamento de uma nutricionista, emagreceu, sem passar fome, e lá se foram 12 kg!! O humor mudou, o desempenho escolar mudou… tudo mudou! Fiquei encantada como a simples mudança alimentar pode fazer a diferença!!!

Minha sobrinha Karen me convidou pra fazer parte desse Blog e adorei a idéia rs!! Um novo desafio.. juntas acreditamos que podemos fazer algo diferente…simplificar o dia a dia de cada um, com uma alimentação segura!!!

Alimentação Segura – a proposta do blog!

Olá, eu sou a Karen Carmona e apresento aqui um pouco da minha história e o motivo de iniciar este blog, juntamente com a Iolande Aardoom também nutricionista.

Me formei na UFPR em 2004, e logo quis fazer especialização em “Gestão em Serviços de Alimentação e Nutrição” na PUC-PR. Aceitei um cargo de subgerente num restaurante buffet bem sucedido de Curitiba, mas no primeiros 30 dias percebi que “gerenciar” pessoas não era uma qualidade minha! rsrs Depois dessa decepção, convidei uma amiga da faculdade para começar uma Consultoria na área de Manipulação de Alimentos (auditoria em restaurantes, palestra sobre higiene com funcionários, elaboração do Manual de Boas Práticas, etc)! Foi bom, mas durou pouco! A Luciana precisou voltar para Minas Gerais e não me empenhei muito na continuidade do trabalho…

Logo surgiram meus meninos! E aí, partiu ser mãe! rs Amamentei-os até 1 ano (o mais velho hoje com 4 anos e o mais novo, com 2 anos). Sofri a insegurança do que oferecer nas papinhas salgadas e doces durante a introdução de alimentos e ainda encontro dificuldades na escolha dos alimentos, especialmente os industrializados que estão tão presentes nos mercados. Ouço com frequência sobre a dificuldade de enviar lanches saudáveis para a escola dos pequenos, a necessidade de simplificar o preparo por falta de tempo. Além disso, a recusa das crianças em provar alimentos saudáveis, a crescente obesidade infantil – o estar alimentado, porém pouco nutrido. São esses alguns dos temas que gostaríamos de abordar, com o intuito de informar e também de aprender.

Queremos dar enfase também em outros assuntos relacionados a nutrição: higiene alimentar, educação nutricional, alergias alimentares, receitas saudáveis, a família e a mesa, alimentos funcionais, etc.

 

Esperamos que sua visita no nosso blog seja prazerosa e proveitosa! Sejam bem-vindos!

Para consultorias, cardápios, cursos e palestras – entre em contato conosco!!